Produção científica de farmacovigilância: perfil e tendências

Camila Ferrazza Alves, Jessye Melgarejo do Amaral Giordani

Resumen


Introdução: O campo científico da atenção farmacêutica segue uma tendência de crescimento em número de publicações e citações de forma exponencial. Dentro deste campo científico, a farmacovigilância merece atenção, pois é uma atividade indispensável à regulação sanitária em qualquer país. O objetivo deste artigo é descrever as características da produção científica de farmacovigilância em periódicos de relevância mundial, em sua linha temporal e de citações. Materiais e Métodos: Utilizando ferramentas da base Scopus, através do descritor pharmacovigilancy, foram realizadas as análises de frequência absolutas e relativas das variáveis: autor, ano de publicação, periódico, país de origem, tipo de documento, Fator de Impacto, área temática e número de citações. Resultados: Foram encontrados 3.410 documentos, no período de 1973 a 2012, havendo uma predominância do período de 2001 a 2012, representando 77,1%. A média de citações foi 256,4 e a mediana 218,5. Discussão: Embora a produção tenha um Fator de Impacto e um número de citações significativos, observou-se que a influência dos periódicos e seus artigos é relativamente baixa na comunidade científica mundial. Conclusões: O estudo apresenta um debate inicial sobre as concepções científicas que podem estar orientando a área temática da farmacovigilância. Detalhes da produção e as implicações dessas características servem de recursos para o campo de práticas da saúde pública.

Palavras chave: Bibliometria, Ciência, Farmacovigilância. (Fonte: DeCS BIREME).

Cómo citar este artículo: Alves C, Giordani J. Produção científica de farmacovigilância: perfil e tendências. Rev Cuid. 2014; 5(2): 820-6. http://dx.doi.org/10.15649/cuidarte.v5i2.123


Texto completo:

HTML PDF

Métricas de artículo

Cargando métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Copyright (c) 2015 Revista CUIDARTE